A vida numa Roda Gigante.

Os parques de diversões estão hoje, cheios da maior "tecnologia adrenalística" possivel e inimaginável, para as montanhas russas não basta apenas quedas magistrais, tem de ter lopping e se isso não bastar, que o carrinho vá e volte o percurso de ré - quanto mais melhor! -  e tem existir brinquedos que, sobem e descem mais rápidos que pensamento, giram, sacodem e embrulhem o estômago até a gente ficar verde!!!!
E então, as rodas gidantes não fazem mais parte do repertório de pedidos da meninada, mas curiosamente elas estão presentes em 99,9% dos parques de diversões, fico imaginando que um parque sem Roda Gigante talvez não seja levado a sério. rs
----
Ontem tive uma recaída de comportamento, minha Roda Gigante Desceu.... mas uma recaída prevista, é claro, a muito tempo pela minha madriga (madrinha e amiga), e é claro... Levei uma bela invertida dela,  como minha melhor amiga tem a liberdade de me dar uns sacodes quando percebe que o caldo tá entornando e quando eu começo a pedir pra descer e pra sair da Roda Gigante.
Meu ex-marido está desempregado, e as Tetas do Governo (salario desemprego) secaram a um mês,  no começo do mês eu já estava ficando preocupada com isso e partilhei com ela sobre minha "insatisfação" com o fato dele ainda não ter se coçado (todas as vagas que apareceram até agora eram "muito pouco" pra ele), e eu estava apreensiva com relação a pensão, pois não queria me indispor com ele agora, mas não vou prejudicar minha filha no direito que ela tem, afinal o nosso direito acaba quando começa o direito do outro. Enfim, falei, falei , falei, argumentei e na ocasião minha amiga disse me deu uns cascudinhos de leve:
- Não sei porque vc está se consumindo, não é só por hoje? Só por hoje até dia 31 a pensão já não tá paga? E outra, se ele não quitar a pensão vc vai entrar com advogado não vai, vc já dicidiu isso e ele sabe disso, e se bobear sabe disso mesmo antes de vcs se separarem, pq ele te conhece bem. -pausa para a risada sarcastica dela..kkkkk... - Além disso ele vai se virar, seja com emprego, seja com a familia dele! relaxa....

Sábado, encontrei uma vizinha e comentei com ela que meu ex havia entregado curriculum numa das empresas do grupo que o marido dela trabalha, só que ainda não haviam chamado ele, ela me contou que o marido dela era supervisor de area e que ia pedir pro marido dela dar uma força lá, me passou o telefone dele e pediu pro meu ex ligar pra ele. Fiquei super feliz, liguei pro ex, passei o tel e falei pra ele ligar.... daí começou minha queda livre:

- Oi Anjo! Anota aí xxxx-xxxx é o tel do marido da M****.

Ele é supervisor lá na P****, falou pra vc ligar, acho que ele vai agilizar lá pra vc!!!!
- Ixi, não vai rolar não de eu ligar.....
- Porque?
- Tô indo pra praia!
- ......
(começou.... percebeu?)
- Alô?!
- Vc tá indo fazer entrevista?
(sentiu o sarcasmo?)
- Não...Tá sol, eu e minha mãe decidimos fazer um bate e volta!
 ..... (1,2.3,4,5,6,7,8,9,10)....
 - Liga, é emprego lembra??? Ligar não quer dizer que vc vai ter que começar a trabalhar hoje!!! Liga Agora.... depois a gente se fala, bjus, cuidado aí na estrada!
- Táááá bommmmmm..... bjussss , fica com Deus e manda um beijo pra Guti.

Ele não ligou! - kkkkkkkk - Me mandou uma msg ontem dizendo que entregou vários curriculos na área dele e que acha que vai rolar alguma coisa boa, então ele não ligou e nem vai ligar.
Eu fiquei Puta da Vida muito frustada comigo mesma, mais uma vez eu estou me envolvendo na vida do outro e sofrendo com os problemas dele e ele mesmo não está nada preocupado, eu preciso entender e aprender que o outro, aliás, que a pessoas adultas são adultas e que elas são sim responsáveis pelas suas vidas!!! Preciso aceitar que o que é melhor pra mim não é bom pro outro e que minhas escolhas só servem pra mim mesma!!!!
Minha madrinha ainda me lembrou que eu e ela somos mesmo muito apavoradas com esse "negócio de emprego" e que a gente já teria entrado no "pânico do desemprego" no dia da demissão mesmo, e se bobeasse a gente saíria da demissão entregando curriculos já....rs....Mas do mesmo modo que a gente é neurótica tem gente que é mais tranquila - eu diria: "até demais"

E.... para finalizar a surra:
"Enquanto a maioria das pessoas espera a galinha botar ovos para fazer os omeletes, vc vai lá ameaça a galinha e se ele não botar a "droga do ovo" vc cata a coitada rasga ela todinha e ranca ovo de dentro da coitada "me daqui esse ovo desgraçada", se bobear ainda reclama que ela não ajuda em nada! Já o D****** compra um pintinho, senta e espera ele botar o ovo, mas não qq ovo... espera um ovo quadrado!"rs
"PÁRA DE CUIDAR DA VIDA DO OUTRO!!!! VC JÁ NÃO TEM A VIDA DO BILL E DO BOB PRA CUIDAR AÍ NO APTO???? NÃO PERGUNTA MAIS DE EMPREGO, DE PENSÃO (deixa ele se virar), VC PERGUNTA PQ GOSTA DE SENTIR ESSE MAL ESTAR DAS "COISAS NÃO ESTAREM SOB SEU CONTROLE", E NÓS SABEMOS COMO ISSO TE FAZ MAL: CORRER ATRÁS DO PROPRIO RABO NÃO ADIANTA NADA, VC NUNCA TEVE E NUNCA VAI TER O CONTROLE DE ESCOLHER AS COISAS PRA VIDA DO OUTRO! SÓ PRA SUA!!!"
" Só podemos modificar a nós mesmas, aos outros só podemos amar!"

Agora já estou melhor, menos furiosa comigo mesma e com ele, mas ainda estou chateada por ter me deixado vascilar, mas acontece.

Moral da história?....Ah sim.......

A vida é mesmo uma Roda Gigante! rs
Só que a gente espera 9 meses na fila pra entrar nessa Enorme Roda
Umas vezes em cima.... algumas vezes em baixo....
Quando em cima, aquele friozinho na barriga de cair.... Mas o deslumbramento de poder ver todas as luzes da cidade acessas, faz a gente se esquecer que segundos atrás a gente estava lá em baixo....
As vezes lá em cima, a roda para e olhamos pra baixo e pensamos que "talvez" lá fosse melhor...
Mas lá de baixo, não conseguimos ver as luzes... e então decidimos "ficar mais uma volta" pra poder encontrar novamente as luzes!!!
As vezes choramos de medo e temos vontade de pedir para que a Roda pare, para que a gente possa descer...Mas aí alguém nos acalma, dizendo que na Roda Gigante da vida existe um cinto de segurança chamado "amigos", que se escolhermos bem, podemos contar sempre com eles...
Nem que seja pra mandar a gente parar de se balançar feito besta na cadeira!!!!Evitando que a gente caia e se quebre todo lá em baixo!!!! rs 

Valeu Amigos.... vcs me ajudam muito!!!


Ah! Bill e Bob são meus gatinhos de estimação...
14 vidas pra eu cuidar e eu ainda fico querendo cuidar da dos outros....

8 comentários:

VALEU A PENA disse...

Cicie, você me mata de rir, sei que o lance é sério, mas a forma como você escreve e as invertidas que você nos conta, são pra mexer com todas nós!
É isso mesmo amiga, relaxa, Só Por Hoje, lembra? Ele sabe as consequências dos atos dele, ele vai se virar, vai rebolar quando a água bater na bunda, volta pra cima nessa roda aí porque você tem coisas mais importantes para fazer e se preocupar, que tal pensar em você só pra variar? Que tal se jogar em alguma coisa de cabeça, sem pensar, sem tentar prever o que vai acontecer ou o que pode acontecer? De repente, no inesperado, coisas boas podem surgir!!!
Viva e deixe viver Flor...
Tamo juntas!
Beijos

··¤(`×[¤Cici¤]×´)¤·· disse...

Giu, aprendi que rir de nós mesmos diminui a dor do problema, desde esse dia virei palhaça de mim mesma!
"Pensar em si mesma só pra variar!"
kkkkkk - Essa tijolada aí dá um post hein!!!! -kkkk
Mas vou deixar pra vc escrever, vc escreve tão bem!
Talvez eu pule de cabeça, afinal ultimamente eu tô só dando barrigadas na água né?! kkkkkk

Anônimo disse...

Legal o texto, a situação é aflitiva, a idéia de roda gigante me transportou à infância, quando, sempre que acompanhado das secretárias do lar, os fiscais dispensavam o pagamento. Garotas de prestigio. Em outros tempos seu marido, ex, ou não, já teria encontrado alguém solidário que o convidaria a trabalhar, mas, pelo visto, ele anda meio indisposto, quer curtir a vida... a adicção provoca essa má vontade, irresponsabilidade... o cara tá com a cabeça insana? O pior é que os trabalhos versus salários são desalentadores. Quando o cara tá sem poder bancar a pensão, ele deve dar o que puder. Mas não vou me meter nessa onda não porque sou conciliador. Dá o telefonema, conta a verdade e espere o resultado. A verdade é tudo... abre as portas. De repente pinta a vaga, ele vai, acaba gostando e de repente pode até engrenar. Sinto muito o que está passando, mas não tenho como lhe ajudar, nem ideia tenho pra apresentar. Se eu fosse evangélico diria "Deus proverá",mas prefiro acreditar no Deus conforme o concebo e livre de religiões. Eu estou paralisado, não sei o que faria no lugar dele para prover o lar. É complicada a cabeça de um homem... muito complicada quando separados e agrava com a adicção.

··¤(`×[¤Cici¤]×´)¤·· disse...

Querido Anônimo, meu ex marido, ainda não se desesperou porque existe uma familia por trás dele que lhe dá suporte, graças a Deus, nem eu nem minha filha passaremos fome se essa pensão um dia faltar, em contra-partida ele tem como quitar a pensão, seja pela ajuda da familia dele, seja pelas reservas que ele tem para custear os estudos dele (olha eu já cuidando da vida do outro de novo!).
O que me faz recair nesse caso é porque eu penso como você, eu não ficaria esperando, eu já estaria desesperada se ficasse desempregada. Eu já liguei, expus minha opinião - fui dificil ser assertiva, mas consegui.
Não posso ser se posso concordar com o que vc falou sobre se "agrava com a adicção" ele tem as convicções sobre adicção e sobre recuperação, acho que nesse caso o que agrava é o conhecido filme "a mão que balança o berço" - infelizmente minha ex sogra é uma facilitadora cronica que incentiva o filho a ficar estagnado, os comentário que vieram dela:
- R$400,00 por um estagio é muito pouco, não vale a pena!
- Ah não vale a pena muito longe!
-Ah ele ainda não deu sorte!
- Ah é dificil mesmo arrumar emprego hj em dia!
A pensão na minha familia não é vista como "o que puder" mas sim como "o necessário", se estivessemos juntos faríamos das tripas coração não é mesmo? Minha filha não deixa de comer, de estudar, de tomar banho ou de usar fraldas pq eu ou ele não temos emprego, tanto é que ele aboliu a palavra "pensão" ele se refere como as "Contas da nenê".
Acho que o problema maior nem é o ex em si, mas a questão controlexfacilitação, eu preciso deixar de querer controlar as decisões do outro e o outro talvez precise não se deixar levar pelas facilitações da familia, pq lá ninguem buscou se recuperar.

Ai... sei lá... a melhor coisa acho que é eu não me envolver, tenho a doença de querer resolver os problemas dos outros, e isso acaba comigo! rsrsrsrs
Fica em paz companheiro, eu estou! já entreguei nas mãos do PS, e sei que meu PS pode até ser "engraçadinho" e "pregador de peças", mas nunca me desampara nos momentos que eu preciso!

disse...

Adoro seus post Cicie, ao mesmo tempo que tem drama tem comedia no meio disso tudo, eu me divirto muito...Vc já é muito especial pra mim ta!!! Tamojuntas Beeijãoo

Gaby disse...

Aii Deus , to me identificando...kkkk... Sei bem o que é isso, sentimento de querer controlar tudo.
O amor está abrindo um negocio novo, e adivinha quem esta vendo tudo super empolgada? Quem faz tabelas, planilhas, bola propagandas, estratégias de marketing? Fornecedores, preços?
Euuu mesmaa!
Como ele mesmo diz, a secretária, marqueteira, médica, psicologa, terapeuta, a melhor namorada, a dirigente de NA, enfermeira, administradora, astrologa, vidente, professora,... entre outros Ana Gabriela...
Socorrooo!
kkkkkkkkk

Mas o pior é que faço felizona...e adoro ainda... medo de mim...

Te amo!! Beijos gataaaaa

Poly P. disse...

Me identifico, companheira! Rsrs.
Ri um bocado aqui, porque me senti absolutamente exposta nessa sua postagem.
Ai, querida, eu já passei madrugada a fora fazendo trabalhos de curso pra ele (afinal, se eu não ajudasse, ele perderia o prazo), o detalhe é que ele permanecia dormindo; já corri atrás de empregos, já negociei dívidas, menti pra família a fim de manter sua imagem de homem perfeito, tentava controlar sua alimentação, seu tempo no banho, seu cigarro... TUUUDOOO... Desde a semana passada, falei de dois ótimos concursos da área dele que estão abertos, já refalei, e falei mais uma vez, e nada dele se inscrever, e juro que estou me amarrando na cadeira pra não fazer a inscrição pra ele. É muito difícil ser uma co-dependente, mas, viver com uma deve ser um saco também, fala sério. A gente se preocupa demais, e eles de menos, no final das contas, adivinha com quem ficarão as rugas... hehehe
Deixa eles andarem no ritmo deles, ou ficarem parados se quiserem, não é mesmo... Paciência!
Beijão, amiga querida!

··¤(`×[¤Cici¤]×´)¤·· disse...

Polly é exatamente por isso que adotei dois gatinhos, rs, como diz minha madriga tenho agora 16 vidas pra cuidar, a minha que é a primordial, a da minha filha que é minha responsabilidade por enquanto e 7 de cada gato, e não é por coincidencia que eles se chaman Bill e Bob (nomes dos fundadores de AA)que é pra eu lembrar o pq eles estão lá! srsrsrsrs

 

··¤(`×[¤Cicie e Ana¤]×´)¤··

"Insanidade é fazer as mesmas coisas, esperando resultados diferentes." Descobrimos que sozinhas não conseguiríamos, mas que com pessoas que buscam as mesmas vitórias, nos sentimos mais fortes,menos solitárias, e mais conectadas com nosso Poder Superior. Um dia de cada vez a gente junta um ano.

Free CSS Template by CSSHeaven.org TNB
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...I